domingo, dezembro 10, 2017

Amor à terra

Ainda a Lispector:

Laranja na mesa.
Bendita a árvore
que te pariu.


É mais laranja na mão... Esta foi colhida minutos antes de ser fotografada, numa laranjeira que o meu pai plantou na horta.

2 comentários:

  1. Tem bom aspecto, Manuel Veiga, mas o interior não faz justiça ao aspecto. :)

    Bj e boa semana

    ResponderEliminar