quinta-feira, outubro 13, 2016

Bob Dylan

«Gosto muito da música do Mr. Dylan e, é certo, música supõe quase sempre poesia e poesia é literatura... mas Prémio Nobel?»

Escrevi esta "provocação" no Facebook, sabendo que corria o risco de ser "linchada". Pelo menos uma pessoa viu nas minhas palavras uma menorização da poesia, como se fosse um género inferior de literatura e, por isso, não digno de ser nomeado como Nobel. 

Não foi esta a ideia que eu quis passar. Dei a minha opinião, que é tão válida como a de outra pessoa qualquer. 
Gosto imenso de Dylan. Há canções que sei de cor, fascinam-me as letras, as músicas, a voz, mas não o vejo como um Nobel da Literatura. Talvez seja ignorância, preconceito ou deformação profissional, mas, por enquanto, não me habituei à ideia. Tenho direito, não?

8 comentários:

Lídia Borges disse...


Aconteceu-me o mesmo, no mesmo sentido, precisamente!

Eu não quero habituar-me à ideia, simplesmente.

Bj.

Lídia


Mister Vertigo disse...

Todos temos direito a dar a nossa opinião, seja qual for o assunto. Chama-se liberdade de pensamento. Mas por vezes outros ao lerem o que escrevemos interpretam de uma forma diferente as nossas palavras. Já me sucedeu o mesmo, recentemente. Aprendi a optar por não alimentar a polémica. porque se sou mal interpretado não vale a pena insistir. Quanto ao Bob Dylan sou fã da sua música e adoro os seus poemas, mas nunca me esquecerei que a Academia Sueca sempre rejeitou o nome de Jorge Luís Borges para o Nobel da Literatura.
Bom dia!

deep disse...

Lídia, já li alguns textos e comentários favoráveis à atribuição do prémio a Bob Dylan,mas ainda não foram suficientes para me convencer a pensar de outra forma. :)

Bj e bom fim de semana.

Mister Vertigo, por norma, também procuro não alimentar polémicas. É pena que a Academia o tenha feito, pois a obra de Borges é bem merecedora de tal galardão,tanto pela prosa, como pela poesia. Nesse caso,poderíamos,em certa medida, sentir-nos orgulhosos, se considerarmos que nas veias de Borges corria sangue português. :)

Bom fim de semana.

Carriço disse...

Eu não tive reacções muito vigorosas, mas fui algo cuidadoso: comentei em futebolês para dizer que o Nobel era legítimo e merecido, mas... é um bocado como dar a Bola de Ouro ao Buffon, que é um guarda-redes incrível, talentoso e um exemplo no que faz, mas depois perceber que há Messi e Ronaldo. E até Iniesta. Acho que em futebolês tudo se aceita melhor. :D

deep disse...

A minha reação não foi muito assertiva, apesar da provocação, pois procurei não alimentar discussões. Talvez se aceite melhor o futebolês como linguagem figurada, para abordar outros assuntos.
Ontem, de forma um pouco velada, uma colega acusava-me de preconceito por não ter ainda conseguido "encaixar" a nomeação de Dylan para Nobel. Neste sentido, que diremos do próprio Dylan se até agora se recusa a abordar o assunto e a atender telefonemas da Academia?

Isabel disse...

Concordo completamente contigo!

Luis disse...

e pus-me a pensar numa coisa (e por isso não vai para o facebook :)

em teoria estes prémios serve também para divulgar. quando o xrrtytw sjjdd ganha o nobel, o gaijo é logo traduzido e publicado em 57 idiomas

o dylan foi mais falado do que que qualquer outro, mal e bem. ma não vi nem num único sitio publicado uma letra dele. Tipo, ele até escreve bem, vem este por exemplo

deep disse...

Luís, parece que o Bob aceitou e até disse sentir-se honrado com o galardão! Lá vão traduzir e publicar mais uns escritos. :)