sexta-feira, agosto 15, 2014

há várias maneiras


há várias maneiras de começar o dia
quando acordo fumo um cigarro

coso silêncios à pele
num quarto inteiro de palavras vazias
que se repetem como rituais

durante semanas ensaiei regressos
apesar das paredes vazias
não deixo de fingir que não estou só

Maria Sousa, Mulher ilustrada, 2013

2 comentários:

Isabel disse...

Gostei do poema.

As escadas ao primeiro olhar confundiram-me: a subir ou a descer? Mas ao segundo olhar percebe-se que descem.
É uma foto interessante.

Bom feriado e fim-de-semana:)

Anónimo disse...

Obrigada, Isabel. :)

Esta foto foi tirada num lugar curioso: uma urbanização, agora abandonada, que foi construída, nos anos 60, para os engenheiros da Edp, em Picote, Trás-os-Montes.

deep