domingo, junho 01, 2014

Quando as crianças brincam

Quando as crianças brincam
E eu as oiço brincar,
Qualquer coisa em minha alma
Começa a se alegrar.
E toda aquela infância
Que não tive me vem,
Numa onda de alegria
Que não foi de ninguém.


Se quem fui é enigma,
E quem serei visão,
Quem sou ao menos sinta
Isto no coração.


Fernando Pessoa


5 comentários:

Isabel disse...

Muito lindo!

Um beijo :)

deep disse...

Um beijo, Isabel e votos de boa semana. ;)

Kátia disse...

Fernando Pessoa sempre no seu melhor.Uma excelente partilha neste dia mais que especial.E eu agradeço!

Tenha uma semana maravilhosa!

Beijos!

Mar Arável disse...

Um dia seremos de novo
crianças

deep disse...

Kátia, sou eu quem agradece - as palavras e a visita!
Boa semana. Bj

Mar Arável, para o melhor... e para o pior, digo eu.
Bj e boa semana