quinta-feira, abril 02, 2009

instruções para salvar o mundo

Sim, o caos, a solidão, a tal noite da alma, a humanidade que sobrevive ao "lado errado da noite" submergem-nos, ameaçam sufocar-nos. E no confronto com o que em nós há de tudo isso, com o nosso alter ego, que intuímos, de certa forma, em cada personagem, tornamo-nos cúmplices, expiamos as nossas dores e as nossas fragilidades.