sábado, dezembro 06, 2008

prendas

pelas quais não adianta implorar, rastejar, chorar baba e ranho (desculpem o prosaísmo da expresssão!): um carro novo; um sofá maior; uma televisão com um ecrã "decente"; a antologia poética do Eugénio de Andrade (não há meio de a reeditarem!). De momento, não me lembro de algo mais (material) de que precise neste Natal...

5 comentários:

clorinda disse...

Pois eu desejo que os seus sonhos se concretizem.
Bom fimdesemana
Carpe Diem
e abraço

Ana disse...

Saúde acima de tudo, o resto vem depois 8-)
bom fim de semana, bjocas

as-nunes disse...

ah ah, eu tenho a Antologia do Eugénio de Andrade, aquela que vem com uma caixa e desenhos.
Uma maravilha, esta edição. Já para não falar do conteúdo!
-
Cá para mim precisava que o Menino Jesus me pusesse um automóvel, que o meu já está a ficar velhote, não sei se é para acompanhar o dono!

deep disse...

Obrigada, Clorinda. Espero que os seus sonhos possam também concretizar-se.
Carpe diem :)

Ana, tens razão: acima de tudo, saúde... é mesmo o que eu mais quero: para aqueles que amo e para mim.

Beijocas

as-nunes, eu tive, em tempos, a Antologia Breve do autor, mas emprestei-a, como acontece muitas vezes, sem me lembrar a quem...

Obrigada pela sua visita e por seguir este blogue!

Que esse e outros sonhos se concretizem. :)

Anónimo disse...

Assim à 1ª vista, um soalho novo p o quarto...
dos materias, dos outros, era bom mm saúde e paz para todos, mas s nem o soalho consigo então os outros ñ passam mm de desejos sinceros...

Bjis Mtis

rubia