sexta-feira, dezembro 16, 2005

notícias do frio

Imagem de António Resende Se o frio significar Natal, garanto que, por cá, já estamos em festa. Saí do trabalho por volta das 20horas e, quando cheguei ao estacionamento, o meu carro tinha uma fina camada de gelo em cima. Entrei em casa há pouco menos de uma hora e continuo a tiritar, apesar de ter ligado o aquecimento quase no máximo.
Este Inverno lembra-me os da minha infância. Nesse tempo, os carros não tinham ar condicionado, por isso viajar era verdadeiro sacrifício. As pontas dos dedos dos pés e das mãos doíam de tão gelados.
Recordo-me que, num dia de apanha de azeitona, perdi a boleia e tive que ir para o campo a pé. Agasalhei-me convenientemente, mas não evitei que uma mecha de cabelo que ficara desabrigada congelasse.
Amanhã, que é dia de apanha de azeitona, espero não perder a boleia...

3 comentários:

Carriço disse...

Aqui para o litoral, de manhã e a partir do meio da tarde também está frio (não tanto como por aí, certamente), mas aquelas horas de sol mais intenso (11-15)até aquecem um pouco o dia.

Saudações

Pagan disse...

Não gosto de frio, mas quando penso nos que não têm abrigo para ele, dou graças pelo pouco que tenho e evito reclamar. Que nunca percas as tuas boleias. Bjus.

Pagan disse...

Sim amiguinha, logo que eu tenha os novos endereços a funcionar, não deixarei de avisar.
Beijos no teu coração.