domingo, março 06, 2016

Cumplicidade

Acordo enroscada em mantas, no sofá do escritório. A televisão debita vozes que nem ouso interpretar. Desligo-a e dirijo-me à cozinha, em busca de algo que apazigue uma ligeira sensação de fome. Uma ténue claridade transparece pela cortina. Olho o relógio, suspenso na parede oposta à porta. Marca as 6h15. Desvio a cortina e o meu olhar dirige-se de imediato para uma unha de luz que paira acima do telhado da casa em frente. Só eu e a Lua somos cúmplices nesta hora em que tudo e todos parecem repousar ainda no abraço terno de Morfeu.


10 comentários:

ana disse...

bom dia :)

deep disse...

Boa tarde, ana. :)

Isabel Pires disse...

deep, dormiste no sofá?

Gosto dessa foto!)

deep disse...

Dormir no sofá é algo e acordar já com luz é algo que me acontece muitas vezes, Isabel. :) Esta noite foi só mais uma dessas vezes.

deep disse...

Obrigada! :)

Isabel disse...

Bela foto!

Boa semana:)
Beijinhos:)

deep disse...

Obrigada, Isabel. :)

Boa semana.Beijinhos

pcristinasantos disse...

A lua é uma boa cúmplice! :) Bj

Kátia disse...

Gostei da foto até porque, amo a lua. ;-)

deep disse...

Também me parece, Paula. :) Por isso a olho e a fotografo tantas vezes. Bj

Kátia,obrigada. :)