terça-feira, março 29, 2016

A poesia anda na rua



Lope de Vega

3 comentários:

Isabel Pires disse...

deep, sabes que já estive duas vezes em Zamora? Uma das quais em trabalho. Já lá vão uns anos valentes.
Gosto deste tipo de arte. :)
Beijo

(Já tinha pensado se não terias apanhado uma bebedeira de ovos de Páscoa...)

deep disse...

Isabel, como Zamora fica a poucos quilómetros (mais perto do que o Porto), de vez em quando (não tantas vezes quantas gostaria), damos lá um saltinho. Desta vez, fomos assistir, mais por curiosidade do que por devoção, a uma das procissões da Semana Santa, que teve início às 5h da manhã, pela hora espanhola.

Sempre que estou fora de casa, só tenho acesso à net no telemóvel, pelo que ainda que leia alguns posts, tenho dificuldade em comentar e mais ainda em publicar. Ainda não foi desta que apanhei uma bebedeira!

Boa semana. :) Beijo

Isabel disse...

Gosto imenso da foto de baixo:)