quinta-feira, dezembro 17, 2015

Nocturno


Murat Turan

[...]

Tentamos regular
com açudes de orações
o curso da tristeza
mudamos de cadeira
e levamos a noite
a dizer oxalá
como se a palavra
praticasse anestesia.



José Miguel Silva, Ulisses já não mora aqui

6 comentários:

Isabel Pires disse...

Bela partilha. Palavras, imagem... Muito bom.
Beijo, deep.

deep disse...

Obrigada,Isabel. :) Beijo

Mar Arável disse...

Belos fingidores

artesãos de metáforas

Bj

deep disse...

De belas metáforas, Mar Arável. :)

Bj

Luis disse...

é um filme do von trier

deep disse...

Esse não vi. :)