domingo, novembro 15, 2015

Talvez valha a pena pensar nisto


Arriscamos tantas vezes perder pessoas que nos são queridas, porque, por medo ou orgulho, não somos capazes de dar o passo que poderia fazer a diferença.

Bom domingo para quem passa. :)

7 comentários:

Isabel disse...

A banda desenhada é gira. É o eterno conflito!

Mas sabes, que eu já penso antes assim: quem passou pela nossa vida e não ficou é porque não tinha que ficar. Quem nos garante que seriamos mais felizes ou sofreríamos menos (no caso de isso acontecer)? ...Não sabemos.

Mas isto não impede que concorde 100% com a tua frase!

Um beijinho e continuação de bom domingo:)

deep disse...

É, como escreveste, Isabel, o eterno conflito.

Talvez valha a pena perder o medo e o orgulho quando queremos, por exemplo, salvar uma amizade que sofreu,por descuido de uma das partes ou de ambas, alguns arranhões, que podem ser curados com uma boa conversa franca. Noutros casos, sobretudo se se deixou passar muito tempo, talvez haja pouco, ou nada, a fazer.

Um beijinho e um bom domingo também para ti. :)

ana disse...

é a leveza de quem vive sabendo que não deixa nada por dizer :)

bom domingo, deep :)

deep disse...

Pode ser isso, ana. É procurar respostas para as perguntas que ficaram, é dar ao outro a justificação que, por vezes, lhe é devida, por amizade e/ou por respeito. É tentar resgatar o que ainda houver para resgatar, mesmo que saibamos que nada voltará a ser como antes - quem sabe não é melhor, desfeitos os equívocos e afastados os fantasmas? É poder seguir com essa leveza.

Obrigada, ana. Mais uma vez, bom domingo

luisa disse...

Por vezes falta tão pouco e no entanto deixamos passar o momento.

Isabel Pires disse...

Boa dica para esta semana que aí vem e para sempre.
Beijo, deep.

deep disse...

Luísa, lamentamos tantas vezes isso. :)

Isabel Pires, uma dica boa para mim própria, que nem sempre sei dar o braço a torcer nos momentos oportunos. :)

Um beijo