terça-feira, julho 23, 2013

Leituras

«Ainda não se inventou melhor guardiã dos bons costumes do que a luz do dia. A noite, como se sabe, é culpada de tudo. Dos amores emboscados e das emboscadas que se disfarçam de amor (...). Confiados nesta teoria cósmica, os papás das meninas mostravam-se-lhes avaros nos horários nocturnos. É um método de educação ingénuo (...). As meninas percebiam que a vergonha não estava nos actos, mas na publicidade deles (...).»

Inês Pedrosa, A instrução dos amantes

Dei, há minutos, quando arrumava papéis, com este excerto num caderno de notas.

3 comentários:

Red Angel disse...

Pois é...!
A noite, essa "malvada" noite...

:-)

Isabel disse...

Li esse livro da Inês Pedrosa há imenso tempo. Quando saiu.

Bom domingo!

deep disse...

:)

Isabel, também o li há alguns anos. Há dias, quando arrumava papéis, encontrei este excerto num caderno.
Obrigada. Bjs