domingo, agosto 01, 2010

Boas férias!

Viajar! Perder países!
Ser outro constantemente,
Por a alma não ter raízes
De viver de ver somente!
Não pertencer nem a mim!
Ir em frente, ir a seguir
A ausência de ter um fim,
E da ânsia de o conseguir!


Viajar assim é viagem.
Mas faço-o sem ter de meu
Mais que o sonho da passagem.
O resto é só terra e céu.

Parto, por uns dias, para outras paragens (onde o calor é menor, avisaram-me). 


Deixo-vos, assim, na companhia de F. Pessoa.


Boas férias para quem pode desfrutar delas!

5 comentários:

Anónimo disse...

Eu viajo mais com a alma....

Aproveita a tua.......

Bjis Mtis....


maria3

Antero Neto disse...

Eu fico-me pela terra da canícula. Aproveita ao máximo.

Virgínia do Carmo disse...

Deep, espero que as férias sejam (ou tenham sido, à data da leitura deste comentário!) revigorantes...

E do poema: excelente ecolha...

Beijinhos e feliz regresso:)

Nilson Barcelli disse...

Querida amiga, boas férias.
Beijos.

alfacinha disse...

boas férias e muita alegria