segunda-feira, fevereiro 04, 2008

let it rain

Aproximo-me da janela e lanço à rua muda e deserta um olhar derradeiro. Vento e chuva preparam os instrumentos para mais uma sinfonia nocturna. Adivinham-no árvores sonâmbulas em danças involuntárias, de mãos dadas com a noite.
Do dia que termina chegam-me ecos de cansaço, ténues lembranças de horas improdutivas, feitas de gestos lentos, de sentimentos baços e de apelos de sofá. Nítidos somente os dorsos dos montes a lembrar animais adormecidos; somente o suave deslizar do carro pela estrada da serra, ao lusco-fusco, sob ritmos de outros tempos... somente a vontade de continuar agarrada ao volante e de seguir viagem, sem destino, sem hora para voltar...
A letra aqui

3 comentários:

Rita Rente disse...

run with the sound, i won't let you down.

M&M disse...

que saudades tenho de uma noite assim, tal qual a descreves: Vento e chuva preparam os instrumentos para mais uma sinfonia nocturna. Adivinham-no árvores sonâmbulas em danças involuntárias, de mãos dadas com a noite.

por cá não passamos destes dias em que uma primavera que se antecipou por demais não nos deixa respirar, nos sufoca.

Astor disse...

bela música... até parecia david bowie.

obrigado :P

*