domingo, janeiro 08, 2006

o amor é um lugar estranho

Uma caneca de chá "Pekoe" dos Açores, bem quente e sem açúcar. Uma torrada barrada com compota de laranja. Um sofá (só pra mim!). Uma manta. "Lost in Translation" ("O amor é um lugar estranho") de Sofia Coppola. Os ingredientes perfeitos para o fim de tarde de um domingo cinzento e frio.

10 comentários:

alyia disse...

Cinzento? Mas estava um Sol dos diabos!! Um calorzinho mesmo bom!! e o Domingo é um dos melhores dias da semana!!
O livro é bom?

deep disse...

Alya, quem me dera que tivesse estado um dia quente e de sol, mas por cá a realidade foi bem contrária.
Quanto ao "Lost in translation" é um filme interessante.

alyia disse...

ups... filme... sorry :)
estás em Marte ou em Jupiter? Eu tou em Portugal aquele país da treta lá nos confins do planeta Terra, conheces? lol

Acho que devíamos estar a dormir :D

deep disse...

Pois é, Alyia ( e não Alya, como teimo em escrever), a região onde me encontro já esteve mais longe de pertencer a Marte ou a Júpiter - talvez eles nos queiram adoptar...
Quanto ao resto, não tens que te penalizar pela confusão... acontece a qualquer um.
É bem verdade: já devíamos estar a dormir... :D

gala disse...

Perfeito...só faltava a lareira .No parque da cidade tb se tava bem :) e com sol ....Já vi esse filme :) mt bom. beijinhos

deep disse...

Sim, Gala, faltou a lareira...
Há quase um ano que não vou ao Parque da Cidade - é um lugar agradável.
Beijinhos

Thiago Forrest Gump disse...

E eu a ver Faustão.

Carriço disse...

Belas escolhas. Todas. O Pekoe (orange??) é um excelente chá e o Lost In Translation um filme muito interessante, como dizes. E pensar que aquele Bill era um caça-fantasmas...

Saudações

deep disse...

Carriço, ainda bem que os actores amadurecem e refinam...
Chá Pekoe- Porto Formoso: óptimo!

Miguel disse...

Porque é que o teu chá é melhor do que a minha cerveja? :-)